“Há uma metástase sequestrando as células vivas que ainda restam da Constituição”

"Guido Mantega tem um filho menor de idade e uma companheira que enfrenta um câncer. Foi preso no hospital, enquanto acompanhava um procedimento para tratamento da mulher. Mantega tem residência fixa e não tem antecedentes."

“Guido Mantega tem um filho menor de idade e uma companheira que enfrenta um câncer. Foi preso no hospital, enquanto acompanhava um procedimento para tratamento da mulher. Mantega tem residência fixa e não tem antecedentes.”

Katarina Peixoto

“Quebraram o país. São uns delinquentes. Albertinho já tinha xingado o sujeito no hospital, ele viu antes. Disseram que era barbárie. Tá aí, agora, a polícia foi lá. Tem de ser assim, tem de enjaular tudinho, e o estrago que eles fizeram não vai ser consertado. Pelo menos fica claro, agora, que quebrar o país não é um crime impune. Temos ainda duas semanas antes da eleição, para as pessoas perceberem com o que estamos lidando. Dizem que ela é inocente, vão vendo. O ministro da Fazenda dela está preso! São todos ladrões! E ainda tem gente que acredita neles!”.

Guido Mantega tem um filho menor de idade e uma companheira que enfrenta um câncer. Foi preso no hospital, enquanto acompanhava um procedimento para tratamento da mulher. Mantega tem residência fixa e não tem antecedentes. Não há prova contra Mantega e não há risco de fuga. De novo: ele tem um filho menor de idade e tem uma mulher com câncer, em tratamento.

Não é Lula e ainda não chegou o fim das eleições municipais.

Tem muita gente querida dizendo que está tudo bem e que não estamos nem perto dos anos mais sombrios, passados há pouco.

O câncer é pior que o pau de arara e ele tem essa prerrogativa, de se estender e contaminar quem ama alguém que está doente. O pau de arara, ele se espalha, se vocês entendem. Enjaular, a fim de obter manchetes e notícias de tevê, um marido que acompanha a mulher num procedimento para tratar desse monstro, é vil, odioso.

Qual a ameaça que fundamenta e pode justificar o enjaulamento de Guido Mantega? Em que Estado de Direito essa conduta é referida?

O intento é este: ser vil, ser odioso, promover o linchamento, o ódio, o desejo de morte. O espalhamento do desejo de morte.

É a metástase parasitando o processo penal e sequestrando as células vivas que ainda restam da Constituição. Incurável ferida.

Anúncios

Sobre rsurgente

Jornalista, Porto Alegre (RS), Brasil.
Esse post foi publicado em Política e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para “Há uma metástase sequestrando as células vivas que ainda restam da Constituição”

  1. Roberto disse:

    O ódio foi disseminado pela direita fascista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s