MST ocupa fazenda em Eldorado do Sul

Ocupação iniciou por volta das 5 horas desta terça-feira (26). (Foto: Divulgação/MST)

Ocupação iniciou por volta das 5 horas desta terça-feira (26). (Foto: Divulgação/MST)

Cerca de 350 pessoas ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam, por volta das 5 horas desta terça-feira (26), a fazenda Tio Faustino, localizada no município de Eldorado do Sul, na região metropolitana de Porto Alegre. Com cerca de 600 hectares, a fazenda está abandonada há mais de oito anos e é totalmente improdutiva, afirma o MST. Aida Teixeira, da direção estadual do movimento, defende que a fazenda seja destinada para reforma agrária. Com a ocupação, os trabalhadores rurais, oriundos de acampamentos do MST localizados nos municípios de Eldorado do Sul e Encruzilhada do Sul, também denunciam os 20 anos de impunidade do massacre de Eldorado dos Carajás, que matou 19 agricultores sem terra no Pará.

Anúncios

Sobre rsurgente

Jornalista, Porto Alegre (RS), Brasil.
Esse post foi publicado em Direitos Humanos, Justiça, Política e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s