Decálogo dos ladrões

zumbis

Por Ayrton Centeno

1) Quem votar pelo golpe – para afastar uma presidente sobre a qual não pesa crime de responsabilidade – estará, ele próprio, cometendo um crime monstruoso. Estará roubando os votos de 54 milhões de brasileiros e brasileiras. Será um ladrão.

2) Quem votar pelo golpe será tão ladrão quando ladrão é o maior de todos os ladrões: o presidente da Câmara e chefe da maior fraude da história da República, Eduardo Cunha. E isto jamais será esquecido.

3) Quem votar pelo golpe estará votando por Temer, um traidor, e por Cunha, um ladrão. Será, pelo resto da vida, equiparado a ambos no que os dois tem de pior: a traição e o roubo.

4) Quem votar pelo golpe será, eternamente, apontado nas ruas: “lá vai o golpista”. Mas, pior, dele se dirá: “Lá vai o ladrão!”.

5) Quem votar pelo golpe, cada vez que concorrer a um cargo eletivo – presidente, governador, senador, deputado, prefeito, vereador ou até síndico —  ouvirá de um adversário a palavra que fere feito faca: “Ladrão!”.

6) Quem votar pelo golpe sempre temerá, no debate ao vivo mostrado na TV, aquele  dedo do adversário apontado na sua direção antes de proferir a palavra terrível: “Ladrão!”

7) Quem votar pelo golpe acabará abandonando a vida pública por não suportar mais ser chamado de ladrão. Como é comum no país, tentará eleger o filho, a mulher, o irmão. Que, então, ouvirão os cochichos: “Ele é o filho do ladrão!”; “Ela é a mulher do ladrão!”, “Ele é o irmão do ladrão!” E eles também serão contaminados pela maldição.

8) Quem votar pelo golpe se transformará num zumbi político, um ser politicamente e moralmente morto, apodrecendo na via pública e na vida pública. E, quando terminar de morrer, será lembrado como ladrão, cúmplice de ladrões e assassino da democracia.

9)  Quem votar pelo golpe ouvirá do eleitor a quem for pedir o seu voto, a resposta como bofetada: “Como você tem a coragem de me pedir agora aquilo que me roubou, ladrão?”

10) Quem votar pelo golpe carregará, na alma e no rosto, uma cicatriz perpétua. Nela, estará escrito “Ladrão!” Será inexoravelmente identificado como o gangster que se uniu a outros gangsteres para pilhar o país. Será para sempre Scarface. Será, para a eternidade, a vergonha de uma nação.

Anúncios

Sobre rsurgente

Jornalista, Porto Alegre (RS), Brasil.
Esse post foi publicado em Política e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s