Encontro debaterá presente e futuro do Bioma Pampa

Bioma-Pampa-1

O Movimento Gaúcho em Defesa do Meio Ambiente (MoGDeMA), em pareceria com ONGS gaúchas e com apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, promove na próxima quinta-feira (17) um debate sobre o futuro do Bioma Pampa. A atividade, aberta ao público, será realizada a partir das 19 horas, no auditório da Faculdade de Economia da UFRGS (Avenida João Pessoa, 52). Em 17 de dezembro, comemora-se o Dia Nacional do Bioma Pampa, data escolhida em homenagem ao nascimento do ambientalista José Antônio Lutzenberger. Considerando o Pampa como um patrimônio natural e um legado cultural do povo gaúcho e latino-americano, o MoGDeMA quer alertar sobre as ameaças que pairam sobre esse bioma, entre elas as monoculturas que avançam na região de campos.

O debate será dividido em dois painéis, sob a coordenação do biólogo Paulo Brack, professor do Departamento de Botânica da UFRGS, integrante do MoGDeMA e do Instituto Gaúcho de Estudos Ambientais (InGá). O primeiro abordará o Bioma Pampa como patrimônio ambiental e terá como debatedora a geógrafa Monica Marlise Wiggers, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (IPHAE-RS). O segundo tratará das políticas públicas para o Pampa, em especial, da aplicação do Cadastro Ambiental Rural (CAR), com a participação do biólogo Eduardo Velez, da Rede Campos Sulinos e do Centro de Ecologia da UFRGS, e de Annelise Steigleder, promotora de Justiça de Defesa do Meio Ambiente, do Ministério Público do Rio Grande do Sul.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s